domingo, 22 de dezembro de 2013

2013 está acabando... (Parte 1)

Fim de ano.
Todo mundo começa a pensar no que não conseguiu fazer (eiiii, tem pouco mais de uma semana pela frente ainda!) e no que pretende realizar no ano que chega. Nós aqui também ficamos pensando: quando aquele livro vai chegar no Brasil? Tem algum livro que ainda não chegou, e você está na torcida para, que quem sabe em 2014 ele chegue por aqui? Esse aqui são os nossos ;)
The Unwritten Rule (Algo como: "A lei não escrita")
TODO mundo conhece a lei não escrita: é proibido gostar do namorado da amiga!
Sarah tinha uma queda por Ryan há anos. Ele é fácil de falar, super esperto, e isso totalmente ganha ela. Ultimamente até parece que ele está prestando atenção extra nela. Tudo seria perfeito, exceto por duas coisas: Ryan é o namorado de Brianna, e Brianna é a melhor amiga de Sarah. Sarah se esforça para evitar Ryan e tenta convencer-se de que não gosta dele. Ela se sente tão culpada por querer ele, e a última coisa que ela quer é magoar sua melhor amiga. Mas quando ela é jogada juntamente com Ryan, uma noite, algo acontece. É maravilhoso… e horrível. Sarah é dilacerada pela culpa, mas o que ela sente é de modo algum um pequeno vício, e ela não pode se impedir de querer mais…
(OPINIÃO: Muito fofo, li rapidinho)

Impossible (Impossível)
Ashton Summers está para se tornar a garota mais popular da escola e nada ou ninguém ficará em seu caminho. Especialmente Luca Byron, seu vizinho aberração, com suas tatuagens, música alta e lindos olhos verdes. Luca Byron tem três objetivos na vida: passar despercebido pelo ensino médio; certificar-se de que sua banda de garagem se torne algo mais do que um hobby; e tentar esquecer sua ex-melhor amiga insuportável, Ashton, que ele não consegue tirar da cabeça. A última coisa que Ashton e Luca querem fazer é reacender sua amizade, mas quando Ashton leva uma queda em sua escalada social. Luca, com seu novo look, é o único que pode ajudá-la a se levantar novamente, fingindo ser seu namorado. A princípio, estar juntos é insuportável e irritante, mas as coisas começam a mudar quando Ashton e Luca descobrem os motivos reais de terem se distanciado há sete anos. Agora, manter suas mãos longe um do outro parece impossível.
(OPINIÃO: Rapidinho, meio bobo, mas eu curti :))

My Favorite Mistake (Meu Erro Favorito)
Taylor Caldwell não pode decidir se ela quer beijar o colega de faculdade novo ou socá-lo. Por um lado, Hunter Zaccadelli é um belo pacote de charme com olhos azuis. Por outro lado, ele é um tatuado, guitarrista e bad boy. Talvez seja por isso que Taylor tem medo de se apaixonar por ele, ou qualquer outra pessoa. Ela não quer se queimar, e mesmo que seus colegas de quarto o adorassem, ela quer que ele vá embora, antes que seja tarde demais. Hunter já tinha se queimado antes, mas o fato de Taylor ir com sua cara e de chamá-lo de lixo e de ter a risada mais sexy, o faz pensar que talvez o amor não seja uma causa perdida. Eles fazem uma aposta: se ela pode convencê-lo de que ela realmente ama ou o odeia, ele vai sair do apartamento - e deixá-la sozinha. O problema é que, quanto mais o tempo os dois passam juntos, menos ela o odeia, e mais se move em direção ao amor. Mas quando o homem que detém a chave para o medo de Taylor ressurge, seu coração se vê ameaçado e tudo pode se desfazer, ai ela tem que decidir: confiar a Hunter seu maior segredo, ou fazer tudo que pode para ganhar essa aposta e afastá-lo para sempre.
(OPINIÃO: Ainda não li, mas estou muuuuito curiosa! Alguém publica? :))

Don't You Wish (Não Deseje) Quando a simples e nada popular Annie Nutter é eletrocutada por uma das invenções malucas de seu pai, ela cai em um universo paralelo, onde a sua vida se torna perfeita. Agora ela é Ayla Monroe, filha da mesma mãe, mas um pai diferente, e ela é a linda e rica abelha-rainha de sua escola. Neste universo, Ayla vive na glamourosa Miami, ao invés da triste Pittsburgh e tem toneladas de dólares, cortesia de seu bilionário, e geralmente ausente, pai. Seus amigos vivem em baladas, em bastidores de shows e amam correr riscos... ilegais. De brinde, um cara muito gato está super afim dela. Mas, por dentro Ayla ainda é Annie. Então, quando é oferecida a ela a chance de deixar a vida de sonho e ir para casa para Pittsburgh, o que ela vai decidir? A escolha não é tão simples quanto você pensa.
(OPINIÃO: Também ainda não li, mas tá na lista de 2014!)

E aí, curtiram a listinha? Tem algum deles na sua? :)
---------
Dezembro é mês de Top Comentarista!
Que concorrer a um lindo kit? Comente nesse post e em todos o que estiverem com esse selinho, clique nele e preencha o formulário! ;)

segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

Top Five #7

Mais Top pra vocês!
Essas aqui são minhas bandas favoritas! Gosta de alguma delas? Comenta aí! Ou me diz como é sua lista ;)

1 - Kings of Leon (AMOR  )


2 - Reik

3 - Coldplay

4 - Oasis

5 - RBD

----
Dezembro é mês de Top Comentarista!
Que concorrer a um lindo kit? Comente nesse post e em todos o que estiverem com esse selinho, clique nele e preencha o formulário! ;)

Novidades Editora Arqueiro!

A Editora Arqueiro está se renovando para o ano de 2014 e nada melhor do que um monte de lançamentos incríveis para fechar com chave de ouro esse ano que foi recheado ;)

☺er... ☺☺parece bom ☺☺☺quero ler! ☺☺☺☺ansiosa *-* ☺☺☺☺☺PRECISO!

Cara Anna,
Já comecei esta carta várias vezes e aqui estou, começando-a novamente, sem fazer a mínima ideia de como lhe dizer...

A carta não terminada é a única pista que Tara e Emy têm para entender o que levou sua amiga Noelle ao suicídio. As três eram inseparáveis desde a faculdade e tudo a respeito de Noelle – seu trabalho de parteira, a forma como se dedicava apaixonadamente a diversas causas sociais, seu amor pelos amigos e a família – se encaixava na descrição de uma mulher que amava a própria vida. Só que havia muitas coisas que Tara e Emy desconheciam. Por exemplo, quem é Anna e por que Noelle nunca a mencionara. Com a descoberta da carta e do terrível segredo que a motivou, as duas começam a desvendar a verdade sobre essa mulher forte, independente e gentil que entrou em suas vidas trazendo amor e compaixão, mas que também pode ser a responsável por muitas tristezas e ilusões. Com delicadeza e equilíbrio, Diane Chamberlain constrói uma história sensível sobre amizade e relacionamentos e levanta a pergunta: até que ponto você seria capaz de perdoar alguém que ama?

Nível de expectativa: ☺☺☺

Um maníaco impiedoso. Uma jovem mãe e seu bebê são cruelmente mortos dentro do estacionamento de um shopping. Sem testemunhas ou indícios da identidade do assassino, só resta à sargento Lindsay Boxer e ao seu parceiro, Rich Conklin, uma única pista: três letras escritas com batom vermelho no para-brisa do carro das vítimas. Um assalto sangrento. Em outro canto da cidade, a esposa de um astro de cinema é acordada por um ladrão que está fugindo com milhões de dólares em joias e pedras preciosas. Antes de conseguir chamar a polícia, ela é friamente assassinada e São Francisco fica em estado de histeria. A morte está próxima. Lindsay é convocada para o novo caso e tenta conciliar as duas investigações e o noivado com Joe Molinari, sempre afetado por seu relacionamento íntimo com Conklin. Em meio a toda a adrenalina, a sargento é obrigada a colocar a própria vida em risco para salvar a cidade antes que a lista de vítimas aumente.


Nível de expectativa: ☺☺☺

Sophie Beckett nunca imaginou que ela seria capaz de esgueirar-se para o famoso baile de máscaras de Lady Bridgerton - ou que "Príncipe Encantado" estaria esperando lá para ela! Apesar de a filha de um conde, Sophie tem sido relegado para o papel de servo por sua madrasta desdenhosa. Mas agora, girando nos braços fortes do afável e devastadoramente bonito benedict Bridgerton, ela se sente como uma rainha. Infelizmente, ela sabe que todo os encantamentos deve terminar quando o relógio bater meia-noite. Quem era aquela mulher extraordinária? Desde aquela noite mágica, uma visão radiante em prata cegou benedict às atrações de qualquer outro. Mas à meia-noite foge sem deixar rastros para Benedict, que passa a procurá-la. Algum tempo depois voltam a se encontrar e ele se apaixona novamente por ela sem reconhecê-la pois agora não passa de uma simples empregada. E muitas peripécias acontecem antes que possam unir-se e desvelarem seus segredos.

Nível de expectativa: ☺☺☺☺☺


Virgil sempre foi conhecido por ter uma vida social um pouco ativa, mas ele provavelmente não vai ter muitas oportunidades durante seu novo caso. Enquanto competia em um torneio de pesca em uma area remota no norte de Minnesota, ele recebe uma ligação de Lucas Davenport para investigar um assassinato nas proximidades de um resort. Uma mulher foi baleada enquanto andava de caiaque. O resort é apenas para mulheres, um lugar para relaxar e ficar em forma, recuperar-se de cirurgias plásticas, comungar com a natureza. O que torna as coisas ainda mais complicadas para Virgil é que assim que ele começa a investigar, uma teia de conexões entre as pessoas do resort, a vítima, algumas mulheres locais e um notável cantor country surge. Quanto mais ele cava, mais ele descobre que as flechas da suspeita apontam para muitas direções, abrangendo uma multiplicidade de motivações: ciúme, chantagem, ganância, raiva, medo… E então ele descobre que este não foi o primeiro assassinato, havia uma segunda vítima do ano anterior, aparentemente não relacionadas, mas se Virgil não for capaz de pegar o assassino é capaz que haja uma terceira, e uma quarta, talvez até mesmo seu próprio assassino…

Nível de expectativa: ☺☺

---------
Dezembro é mês de Top Comentarista!
Que concorrer a um lindo kit? Comente nesse post e em todos o que estiverem com esse selinho, clique nele e preencha o formulário! ;)

domingo, 15 de dezembro de 2013

Verbologia Pink na Bienal Bahia! (Final)

"Me senti uma estrela do Rock!" - Tammy Luciano
No nosso dia na Bienal (nesse eu estava) tivemos o prazer de conhecer uma das autoras mais bacanas do Brasil. Tammy Luciano estava no stand da Editora Novo Conceito distribuindo autógrafos e sorrisos para os fãs e novos fãs :)


Tammy foi muito legal em conversar um pouco conosco sobre sua felicidade com sua carreira e deu conselhos muito legais para quem sonha em ser escritor. A autora se mostrou muito feliz em estar na Bahia, mas lamentou a falta de tempo para passear. Amamos conhecê-la! Ah! E além do autógrafo lindo que a Gil conseguiu, Tammy também escreveu um para nossos leitores! Que será que vai ser o sortudo ou sortuda ganhar esse presente? :)

---------
Dezembro é mês de Top Comentarista!
Que concorrer a um lindo kit? Comente nesse post e em todos o que estiverem com esse selinho, clique nele e preencha o formulário! ;)

Reiniciados ~ Teri Terry

Editora: Farol Literário
Páginas: 430
Gênero: Distopia
Título Original: Slated
Classificação:


"Desagregar: se tornar outra pessoa, deixar seus sentimentos para trás.
Estou me tornando uma especialista nesse aí.
Não estamos todos?" - pág. 69
Meu amor pelas distopias já foi declarado por diversas vezes nesse blog. Sou uma apaixonada por essas visões apocalípticas do futuro onde um pequeno, porém corajoso grupo/casal luta para mudar a cruel ordem estabelecida. Por esse motivo, e por achar a capa linda, trouxe mais um distópico pra casa. A escolha da vez, Reiniciados da Teri Terry.
A mocinha se chama Kyla, uma garota tímida e baixinha, que os dezessete anos não tem nenhuma lembrança de quem era antes de acordar em um hospital, para uma nova vida. Kyla foi reiniciada. Seus crimes e pecados foram esquecidos e ela agora é uma garota dócil e bondosa, não mais uma criminosa rebelde... será?
"Se eles aumentaram a minha capacidade de sorrir, devem ter tido de começar do zero" - pág. 21
"(...) não sou uma nova pessoa, não importa o quanto eles digam que sou. E se não sou uma nova pessoa, seja lá o que eu tenha feito, ainda está aqui, ainda é parte de mim, escondida em algum lugar." - pág. 171
Demorei um pouco pra compreender o que estava lendo. Não que Teri não tenha uma escrita muito boa, ela cria um clima de suspense do tipo "tem um mistério atrás de você, que vai te atacar a qualquer momento" que é muito legal e aguçou minha curiosidade para com a história. Mas, o problema é que há muitas interrogações e poucas respostas até quase o final do livro, aí fiquei um pouco perdida no contexto. O final ficou meio brusco.
Também não me apeguei ao Ben, o amigo colorido (SIM! usei esse termo ;D) da Kyla.
"Enquanto ele fala, eu escuto, mas parte de mim está pensando no que ele disse no início: e se ninguém me quisesse?
E eu penso Eu quero.
Mas não falo em voz alta." - pág. 257
Não sei por que, nem vou tentar explicar, mas fiquei o livro todo esperando que aparecesse outro cara. Não me julguem, mas não odeio (como grande parte dos leitores) um bem estruturado triângulo amoroso. Obviamente que é uma fórmula repetitiva e, pra mim quando não há uma terceira pessoa atrapalhando o amor dos protagonistas (como em Divergente) é muito mais legal e tal. MAS! Quando o mocinho em questão não satisfaz, é natural que você anseie que apareça alguém mais interessante. E... olha só!
"... há um homem que nunca vi antes. Ele está sentado na ponta da mesma, olhando para a turma, observando cada um enquanto pegamos nossos lugares. Murmúrios logo começam entre as garotas, e é fácil entender por quê: ele é lindo." - pág. 303
Novamente digo: não sei explicar o por quê, mas o professor Hatten e suas aparições sinistras, esporádicas e aleatórias lá pelo final do livro, me deixaram mais curiosa pela sequência do que uma tonelada de Ben. O personagem promete. Mas, como vários aspectos da história, não tem o destaque devido, e entra na minha lista de coisas e soluções que espero ver na sequência desse primeiro livro. Também vale comentar que a história se passa em Londres, diferente de muitas distopias que temos no mercado que estão vindo dos EUA. Achei a história um pouco parecida com Starters, por causa da coisa do chip e tudo mais, mas também diferente de todas as outras, por que cada autora tem um jeito único de contar sua história.
Reiniciados vale a pena.
Não é perfeito, mas uma ótima leitura. E eu gostei.


---------
Dezembro é mês de Top Comentarista!
Que concorrer a um lindo kit? Comente nesse post e em todos o que estiverem com esse selinho, clique nele e preencha o formulário! ;)

segunda-feira, 9 de dezembro de 2013

Está chegando... Arqueiro lança último volume da série de Sylvain Reynard!


Parecia que eles seriam felizes para sempre. Mas toda relação tem seus conflitos. 

Depois do escândalo em que se viram envolvidos em Toronto, Gabriel e Julia se casaram e se mudaram para Massachusetts, onde ele dá aula na Universidade de Boston e Julia faz doutorado em Harvard. Agora ela precisa provar que não vive à sombra do marido famoso. Mas parece que Gabriel não está pronto para ver a esposa caminhar com as próprias pernas. Quando ela é convidada a dar uma palestra em Oxford, surge seu primeiro conflito: a linha de pesquisa dela diverge da teoria dele. Durante a conferência, os dois são obrigados a confrontar antigos rivais, entre eles a incansável Christa, que, ainda determinada a humilhar Julia, ameaça revelar um dos segredos mais obscuros de Gabriel. Além disso, as coisas entre eles não vão muito bem. Isso porque Gabriel está ansioso para ter um filho, mas Julia quer concluir o doutorado primeiro. Para ver realizado seu sonho de formar uma família, Gabriel terá que enfrentar fantasmas do passado. Será ele capaz de fazer isso? E será que a generosidade de Julia resistirá à ameaça de ver arruinada a carreira que ela tanto se esforçou para construir? A redenção de Gabriel é o desfecho brilhante dessa trilogia que arrebatou leitores no mundo inteiro.

Quem está ansioso? o/

---------
Dezembro é mês de Top Comentarista!
Que concorrer a um lindo kit? Comente nesse post e em todos o que estiverem com esse selinho, clique nele e preencha o formulário! ;)